Cursos presenciais

O Esperanto é ensinado e praticado em diversas cidades em Pernambuco.

Congressos Brasileiros

Um dos melhores congressos esperantistas do mundo é o brasileiro!

O congresso de 2015 foi no Rio de Janeiro.
Veja como foi na página da Liga Brasileira de Esperanto

Cursos presenciais

O Esperanto é ensinado e praticado em diversas cidades em Pernambuco.

RocketTheme

Nossa História

De 1937 aos dias atuais, muito há para se contar.

 

RocketTheme

Literatura

Muito para se ler, muito para se deleitar.

Movimento Esperantista

Movimento

Nós procuramos ajudar a mover o mundo!

 

Vídeos

Vídeos

Seleção de alguns vídeos interessantes. Sempre em atualização.

Esperanto, muito mais que uma língua. Um modo de viver o mundo no qual a comunicação se processa de uma forma mais justa, igualitária e humana.

Viva essa experiência!

Abr 05 2018

Nos dias 23 e 24 de março, Recife recebeu um convidado ilustre. O esperantista francês Alain Runel, de férias e viajando por várias cidades brasileiras, como Rio de Janeiro, Niterói e Fortaleza, precisou fazer uma parada de dois dias na capital pernambucana, antes de seguir viagem para Salvador.

 

Através do contato feito pelo esperantista cearense Wandemberg, os membros da APE puderam recepciona-lo adequadamente em nosso Estado. Sua chegada em Pernambuco foi pela rodoviária, onde foi recebido por Wendel Pontes e Marton Paulo, membros da APE. Em seguida, foi para a residência da esperantista Tereza Beirão, que gentilmente o hospedou em sua residência. Tereza é estudante de esperanto e encontrou nesta visita uma oportunidade para praticar o idioma.

Alain pôde visitar diversos pontos turísticos, como o Recife Antigo e a sinagoga Kahal Zul Israel, a mais antiga das Américas. Apesar de ter sido planejado um jantar com o restante da comunidade esperantista, algo inesperado aconteceu: um apagão de grandes proporções atinge toda a região Nordeste do Brasil, deixando a cidade mergulhada em um estado de caos durante horas. O jantar do nosso convidado ficou à cargo de um pequeno bar próximo de onde ele estava hospedado.

No dia seguinte, Alain visitou o Museu do Homem do Nordeste, pela manhã. De tarde, encontrou-se com os esperantistas Marton Paulo e Fábio, que o levaram para conhecer a cidade de Olinda, no Alto da Sé e no Mercado da Ribeira, em seguida indo para o Observatório. Por volta das 17h, dirigiram-se para o aeroporto de onde ele tomou o vôo para Salvador.

Esperamos que a estadia em Recife tenha sido tão agradável para Alain como foi para nós. Ĝis revido, kara amiko!